28.5 C
Manaus, BR
21 de abril de 2021
Destaques Esportes

Corinthians teve desempenho baixo no Campeonato Brasileiro 2020

O desempenho do Corinthians no Campeonato Brasileiro 2020 foi o segundo pior do clube na última década. Campeão em 2011, 2015 e 2017, o Timão somou 51 pontos nesta temporada, teve um aproveitamento de 44,7% e terminou a competição nacional na 12ª colocação.

A performance superou apenas aquela registrada em 2018, quando a equipe conseguiu somente quatro pontos de vantagem para o primeiro rebaixado e encerrou em 13º.

Comandado por Tiago Nunes, Dyego Coelho e depois por Vagner Mancini, o Corinthians teve 13 vitórias, 12 empates e 13 derrotas neste Brasileirão. A equipe do Parque São Jorge anotou 45 gols e, curiosamente, foi vazada na mesma quantidade.

É o terceiro ano seguido que o Alvinegro não consegue ficar entre os sete primeiros colocados do campeonato.

Os números são considerados modestos na avaliação da diretoria e comissão técnica. Por algumas rodadas, depois de muito flertar com a possibilidade de rebaixamento, o Corinthians sonhou em disputar a Copa Libertadores.

No fim, a 12ª posição garantiu ao clube do Parque São Jorge uma vaguinha para a Copa Sul-Americana 2021, que nesta temporada estreia um novo formato —agora disputada em grupos e depois em mata-mata.

Em 2018, ano de pior rendimento do Timão nesta década, o clube conseguiu apenas 44 pontos e terminou na 13ª posição. O América-MG, primeiro no grupo de rebaixados, marcou 40 pontos naquela edição.

Outro ano ruim do Alvinegro nos últimos dez anos foi 2013, ainda vivendo a ressaca do título Mundial. Naquela ocasião, o elenco fez 50 pontos, mas encerrou a competição no 10º lugar.

Em contrapartida, o Corinthians foi o clube que mais conquistou o Campeonato Brasileiro na última década. O clube do Parque São Jorge foi campeão em 2011, 2015 e 2017. Os outros vencedores do período são: Cruzeiro (2013 e 2014), Fluminense (2012), Palmeiras (2016 e 2018) e Flamengo (2019 e 2020).

Os desempenhos do Corinthians no Brasileirão na última década:

2020 – 12º lugar (51 pontos)

2019 – 8º lugar (56 pontos)

 2018 – 13º lugar (44 pontos)

2017 – campeão (72 pontos)

 2016 – 7º lugar (55 pontos)

2015 – campeão (81 pontos)

2014 – 4º lugar (69 pontos)

2013 – 10º lugar (50 pontos)

2012 – 6º lugar (57 pontos)

 2011 – campeão (71 pontos)

Imagem: Pedro H. Tesch Fonte: https://www.uol.com.br/esporte/futebol/

Publicações Relacionadas

5 maneiras de desintoxicar um relacionamento doentio

Francisco Araujo

Via Norte: Feira de produtos regionais e artesanatos movimenta Shopping

Jeanne Gade

Wegmann fala com Arthur Aguiar e diz que exposição é machista

Redacao

Deixe um comentário

WhatsApp chat