28.5 C
Manaus, BR
21 de outubro de 2020
Especiais

Veterinário revela paixão por aves raras da Amazônia e anuncia novo lançamento

Fotografo

Apaixonado por fotografia, Anselmo D’Affonseca adquiriu uma lente macro quatro anos antes de comprar sua primeira câmera fotográfica digital. O médico veterinário, graduado pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), em 1992, afirma que fotografar é sua grande paixão e hobby. Além disso, o exercício da profissão exige alguma técnica para registrar algumas situações no consultório do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), onde faz clínica e manejo de peixes-boi.

Anselmo D’Affonseca, em 2013, publicou livro ‘Aves da Região de Manaus’, pela editora Inpa, em parceria com o Dr. Mario Cohn-Haft e Ingrid Macedo. O livro é escrito nas versões português e inglês.

“Sempre gostei de fotografia. como minha profissão exigia alguma técnica fotográfica, para registro de casos e outras situações, uni o útil ao agradável”, revelou D’Affonseca, que a princípio comprou uma lente macro antes que a câmera.

Fotografia Anselmo
O médico veterinário, graduado pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), em 1992, afirma que fotografar é sua grande paixão e hobby.

“Surgiu uma oportunidade e não quiz deixar passar, mas esperei 4 anos para conseguir comprar a minha primeira câmera e fazer os primeiros registros digitais. Comecei fazendo foto de insetos, finalmente consegui comprar uma teleobjetiva que permite fotografar aves. Minha outra paixão. Aliar a paixão por aves e por fotografia foi um sonho antigo realizado”, confessa.

Wikiaves

Anselmo D’Affonseca tem publicado em seu perfil no Wikiaves 2741 fotos de 796 espécies de pássaros. Ele relata que, “no Wikiaves tem uma lista relativamente grande de pessoas com mais mil espécies fotografadas, mas eles percorreram varias regiões do país. No meu caso eu me restringi muito mais as espécies amazônicas”, ressalta.

E uma expedição científica, em 2016, na Serra da Mocidade em Caracarai, em Roraima, D’Affonseca teve a oportunidade de fotografar uma espécie rara no Brasil, que apenas três fotógrafos no Brasil conseguiram o feito. “Esse foi o primeiro registro para o Brasil e será publicado em um artigo científico. Ele revela que ainda não publicou as imagens da espécie, mas compartilhou com o Amazoniapress.

 

Catharus aurantiirostris
Fotografia de um Catharus aurantiirostris (orange-billed Nightingale-thrush) registrada por Anselmo D’Affonseca

“Me sinto muito gratificado por ter participado nesse processo de apresentar as aves da nossa região e colaborar de alguma forma para o interesse e envolvimento do público em geral essas criaturas incríveis e o meio ambiente em que vivem. Consequentemente, colaboro para a conservação como um todo”, disse o baiano Anselmo D’Affonseca, que trabalha no Departamento de Biologia Aquática e Limnologia do Inpa/MCTI.

Segundo livro

O médico veterinário e fotógrafo amador, participou da produção de dois livros sobre medicina veterinária de peixe-boi da Amazônia, em 2007, e anuncia, “já estou com as fotografias prontas para um segundo livro de aves. Com bichos muito mais raros, e pouco vistos, além de muito bonitos.”

Publicações Relacionadas

Empreendedorismo e inovação foram tema do Amazônia Press no Ar

Fernanda Lopes

Presidente nacional do Patriota lança deputado Felipe Souza como pré-candidato à prefeitura de Manaus

Fernanda Lopes

Política e gestão pública foram o tema do programa Amazônia Press No Ar

Fernanda Lopes

Deixe um comentário

WhatsApp chat