25.5 C
Manaus, BR
25 de fevereiro de 2021
Destaques Mundo

Terremoto na Indonésia registra 78 mortes e 740 feridos confirmados

Um cenário de destruição pode-se observar na Indonésia após o terremoto que atingiu o pais com força e magnitude de 6,2 na escala. Foram registradas 78 mortes confirmadas.

Edifícios destruídos pelo terremoto que atingiu província de Sulawesi Ocidental, na Indonésia, na sexta-feira (15), segundo a agência de Busca e Resgate (Basarnas).

Confirmadas 78 morreram, 67 dos quais eram do distrito de Mamuju e o restante do distrito de Majene, em Sulawesi Ocidental, dados mostrados pela agência Barsanas.

São mais de 740 pessoas feridas e 27.800 pessoas que deixaram suas casas, segunda a agência de mitigação de desastres do país (BNPB). O quadro de abandono da cidade e pessoas que buscaram refúgio nas montanhas, outros foram para centros de evacuação.

Em meio ao tumulto a força policial e militares foram buscavam conter a onda de saques em várias regiões, disse o porta-voz do BNPB, Raditya Jati. Segundo o chefe da agência meteorológica, climatológica e geofísica da Indonésia (BMKG), Dwikorita Karnawati, outro terremoto na região poderia potencialmente provocar um tsunami.

Dwikorita relatou que o clima extremo e outros perigos naturais estão previstos para as próximas semanas. A área em que a Indonésia se encontra é atingida por terremotos por esta no chamado Círculo de Fogo do Pacífico.

Apenas duas semanas depois do início do ano, o quarto país mais populoso do mundo está lutando contra vários desastres, como inundações em Kalimantan do Sul e Sulawesi do Norte mataram respectivamente pelo menos 15 e cinco neste mês, enquanto deslizamentos de terra na província de Java Ocidental mataram pelo menos 32, disseram as autoridades.

E ainda a  montanha Semeru de Java Oriental que entrou em erupção na noite de sábado, mas não houve relatos de vítimas ou evacuações.

Foto: Abriawan Abhe/Antara via REUTERS

Publicações Relacionadas

Especialistas defendem participação dos jovens nas reformas na AL

Fernanda Lopes

Eleições municipais deste ano podem ganhar novas datas

Victória Cavalcante

“Solimões Sem Fronteiras 2” cumpre mandados no Amazonas e Ceará

Jeanne Gade

Deixe um comentário

WhatsApp chat