Sábado sangrento: mais de dez mortes em menos de 24 horas

Um número desesperador de mortes em várias zonas da capital nesse sábado(11), aonde mais de dez mortes violentas aconteceram em Manaus, desde a madrugada.

Acompanhe o resumo:

Durante a madrugada, um personal trainer e professor de balé foi assassinado em um posto de gasolina na Avenida Belo Horizonte, bairro Adrianópolis, na zona Centro-Sul.

Foto divulgação

Ainda na zona Sul, um homem foi vítima de arma branca.

O homem teria sido ferido a facadas durante uma briga em uma balsa na Manaus Moderna. Ele chegou a ser levado ao SPA da zona Sul, mas não resistiu aos ferimentos.

SPA Juventina Dias

No início da tarde, dois homens foram mortos e outros dois baleados em um bar no bairro Educandos, zona Sul. Os suspeitos do crime fugiram.

Mais de dez mortes neste sábado
Foto divulgação

Por volta das 15h, dois corpos foram encontrados em um cemitério clandestino na reserva Adolpho Ducke, bairro Cidade de Deus, zona Norte.

As especulações é que o cemitério clandestino seja pertencente ao “tribunal do crime”, da facção Família do Norte (FDN), dois corpos foram encontrados no local.

Mais de dez mortes neste sábado
Foto divulgação

No fim da tarde, a zona Leste também registrou um homicídio. Um homem foi encontrado morto dentro do terreno da empresa Pemaza. Funcionários do local acionaram a polícia.

Mais de dez mortes neste sábado

Todos os casos serão investigados pela polícia civil.

Parte  do flutuante mais badalado de Manaus, o Abaré afundou no rio negro na tarde deste sábado (11), por volta das 17 hrs.

Mais de dez mortes neste sábado

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here