28.3 C
Manaus, BR
17 de junho de 2021
Destaques Entretenimento

Projeto Mania de Ler é reativado no CAIMI André Araújo

Centro de Atenção Integral à Melhor Idade (Caimi) André Araújo retomou, nesta semana, o projeto “Mania de Ler”, criado em 2013, pela secretaria estadual de Cultura, com o objetivo de atender à comunidade, escolas e algumas unidades de saúde com kits de livros de literatura.

Com o início da Pandemia, em março de 2020, o Caimi suspendeu as atividades, inclusive o “Mania de Ler”. Em outubro retornou, porém, o cantinho da leitura ainda não havia sido reativado por conta de todas as restrições de biossegurança.  


A diretora da unidade, Roberta Nascimento, comenta sobre a importância do projeto dentro do contexto do Caimi. “É uma campanha educativa em envelhecer com qualidade. Nós trabalhamos com o estresse e saúde mental, nós damos qualidade no momento em que o idoso está aguardando seu atendimento e fazemos terapias cognitivas com a leitura”, disse.


Segundo a diretora, após o retorno da unidade, sentiu a necessidade de resgatar o projeto. “Os nossos pacientes, aqui, são pacientes assíduos, que não fazem só a parte ambulatorial, que é a consulta médica e de enfermagem. Eles também fazem atividades de terapia, fisioterapia, fonoaudiologia e psicologia. A intenção de reativar o cantinho do “Mania de Ler” foi exatamente trazer essa afetividade de volta, esse acolhimento, porque é um cantinho muito bem utilizado por eles”, ressaltou.

Mania de Ler

O Cantinho de Leitura do “Mania de Ler” passou por uma revitalização que, além de um móvel novo e alguns livros, ganhou um quadro doado por um paciente que faleceu, relíquia da unidade que é guardada com muito carinho. 

Atualmente, foi elaborado um protocolo que permite com que os pacientes assinem um documento de empréstimo, marquem uma data de devolução e levem o livro para ler em casa, o que no momento de pandemia ajuda os idosos a ficar em suas residências, de acordo com a diretora.  Após a devolução, os livros passam pela devida higienização, para assim serem emprestados e lidos por outro idosos.

A unidade está aberta a receber doações de livros específicos para o público idoso. Os livros podem ser deixados diretamente na unidade, ou ainda é possível entrar em contato pelo número e whatsapp (92) 984031121, além do perfil do instagram da unidade ‘caimiandrearujo’.

Com informações da assessoria de imprensa. Foto : Divulgação/ SES

Publicações Relacionadas

Depoimento de Pazuello será retomado nesta quinta-feira, com maior pressão dos senadores

Redacao

Prefeitura publica nomes da comissão de transição de David Almeida

Francisco Araujo

Máscaras polêmicas no Amazonas não foram entregues do MS, diz a empresa atribuída

Luciana Silva

Deixe um comentário

WhatsApp chat