Foto: Divulgação

Na manhã desta sexta-feira (1º), durante solenidade de posse, a nova presidente do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM) para o biênio 2024-2025, conselheira Yara Lins dos Santos, em um discurso emotivo e comprometido, anunciou a criação da Ouvidoria da Mulher como uma das primeiras ações de sua gestão.

A conselheira, que novamente faz história sendo a única mulher a presidir a Corte de Contas amazonense, enfatizou a importância de ouvir as mulheres que precisam de apoio. “Criaremos a ouvidoria da mulher para ouvir àquelas que precisam da nossa ajuda no combate à violência e o preconceito”, afirmou a conselheira-presidente durante a cerimônia de posse.

Destacando a equipe especializada que apoiará a iniciativa, a presidente afirmou que a nova Ouvidoria da Mulher contará com profissionais capacitados para o atendimento e tratamento das temáticas relacionadas.

Ainda em seu discurso, a presidente Yara Lins dos Santos citou a importância de liderar, de forma ativa, para que todo o corpo de servidores e colaboradores criem um ambiente funcional de harmonia.

“É função do líder desenvolver as habilidades comportamentais para liderar pessoas. Nós não lideramos apenas processos ou máquinas para o cumprimento das leis. As instituições públicas são formadas por pessoas, e estas merecem total respeito. Os servidores são nosso bem mais precioso. Cada um é fundamental para que possamos realizar o trabalho com a credibilidade e a confiança que a nossa instituição já alcançou e continuará alcançando. Quero assegurar aos colegas e servidores que vamos trabalhar com harmonia, pacificação, transparência e dedicação “, destacou a presidente Yara Lins dos Santos.

A trajetória da conselheira-presidente, que passou por diversos cargos estratégicos e fez uma carreira ascendente no serviço público, serviu de motivação para a criação do setor focado em denúncias para as mulheres.

“Carrego comigo as cicatrizes do meu dever cumprido. Cada uma me fortaleceu para chegar até aqui. Tenho a certeza de que, sendo a primeira mulher presidente do TCE e com quase 50 anos de trabalho, carrego muitas cicatrizes. Nunca deixei que nenhuma me impedisse de seguir firme e manter a fé na instituição que represento, a fé na vida, a fé nas minhas vitórias, e principalmente, a fé em Deus”, afirmou a presidente.

Novo corpo-diretivo

A solenidade realizada no Teatro Amazonas nesta sexta-feira (1) deu posse ao novo corpo diretivo que comandará a Corte de Contas pelos próximos dois anos. Além da presidente, conselheira Yara Lins dos Santos, ocupará o cargo de vice-presidente o conselheiro Fabian Barbosa; o de Corregedor-Geral, conselheiro Josué Cláudio; na Ouvidoria, o conselheiro Mario de Mello; e na coordenação-geral da Escola de Contas Públicas, o conselheiro Júlio Pinheiro.

Informações da Assessoria de Comunicação do TCE-AM