fotos - Divulgação / Semsa

Prefeitura de Manaus informa que, neste sábado, 2/3, oito unidades da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) estarão ofertando a vacina contra a dengue, Qdenga, no horário das 8h às 12h. O atendimento inicialmente é voltado a crianças de 10 e 11 anos, conforme orientações do Ministério da Saúde.

O subsecretário de Gestão da Saúde da Semsa, Djalma Coelho, destaca que das oito unidades de horário ampliado, uma funciona aos sábados e domingos das 8h às 18h: a Clínica da Família Carmen Nicolau, localizada no Lago Azul, na zona Norte da capital.

“O dado mais recente da Semsa aponta que 6.388 doses da vacina haviam sido aplicadas, embora o número esteja em crescimento, precisamos reforçar que os pais e mães devem levar a sério o compromisso de proteger as crianças. Nossas unidades funcionam todos os sábados para ampliar o acesso ao imunizante”, destacou.

Além das unidades tradicionais, a vacina será sendo ofertada neste sábado, das 8h às 11h, no Mercado Municipal Adolpho Lisboa, no Centro, onde serão realizadas diversas ações de esclarecimento e sensibilização da população para o combate ao Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue e também de zika e Chikungunya.

Em Manaus, a meta da vacinação contra a dengue é alcançar 90% das 65.037 crianças de 10 e 11 anos de idade. Para chegar a esse resultado, a Semsa está desenvolvendo um planejamento junto a Secretaria Municipal de Educação (Semed), para que a vacina seja ofertada nas escolas da rede municipal.

Para que as crianças sejam vacinadas, precisam estar acompanhadas de um dos pais ou responsável, que deve apresentar documento oficial de identificação, Cartão Nacional de Saúde (CNS) ou CPF, e o cartão de vacina.

O esquema vacinal da Qdenga contempla duas doses, sendo que o intervalo entre as doses precisa ser de três meses. “As crianças com diagnóstico confirmado de dengue precisam aguardar seis meses para começar seu esquema vacinal, e se depois de tomar a primeira dose, houver infecção por dengue, é preciso esperar 30 dias, depois que os sintomas da dengue passarem, para poder para receber a segunda dose do imunizante”, explica Coelho.

A Semsa reforça que a Qdenga pode ser aplicada junto com as outras vacinas do calendário básico infantil, sem necessidade de intervalo. Mas no caso em que a criança precisa tomar as vacinas contra a febre amarela, contra a varicela e a tríplice viral, os pais precisam aguardar 30 dias antes ou depois da vacinação contra a dengue, para prosseguir com a proteção vacinal contra essas doenças.

Unidades em funcionamento neste sábado 2/3:

Zona Norte

Clínica da Família Carmen Nicolau – Rua Santa Tereza D’Ávila, s/nº, Lago Azul (que funciona das 8h às 18h aos sábados, domingos e feriados)

USF Áugias Gadelha – Rua A, s/nº, Cidade Nova 1

USF Major PM Sálvio Belota – Rua João Monte Fusco (antiga rua das Samambaias), nº 786, Santa Etelvina

Zona Sul

USF Doutor José Rayol dos Santos – Avenida Constantino Nery, s/nº, Flores

Zona Leste

USF Alfredo Campos – Alameda Cosme Ferreira, s/nº, Zumbi dos Palmares

USF Amazonas Palhano – Rua Antônio Matias, s/nº, São José Operário

Zona Oeste

USF Deodato de Miranda Leão – Avenida Presidente Dutra, s/nº, Glória

USF Leonor de Freitas – Avenida Brasil, s/nº, Compensa 1

— — —

Texto  – Divulgação / Semsa