31.5 C
Manaus, BR
14 de julho de 2020
Cidades

Prefeitura autua universidade por demora na entrega de diplomas

rocon Manaus autua universidade (3)

Universidade Paulista (Unip) foi autuada nesta quinta-feira,(11), pela  Prefeitura de Manaus por demora na entrega de diplomas universitários. Depois de passarem dois anos esperando o diploma de conclusão do curso, seis ex-alunos da faculdade procuraram o Procon Manaus para solucionar o problema.

O Procon Manaus analisou o processo e lavrou um auto de infração pela espera excessiva da emissão do documento. A demora na entrega caracteriza falha na prestação de serviços, nos termos do art. 14, do Código de Defesa do Consumidor, e a imposição de cláusula no contrato prevendo o prazo de 2 anos para a entrega do diploma, se revela abusiva.

As infrações ensejam a aplicação de multa, com fundamento no art. 56, I, do CDC.

Segundo o coordenador do Procon Manaus, Rodrigo Guedes, o recebimento do diploma é parte essencial do serviço prestado, sem o qual os alunos não podem exercer diversos direitos, inclusive de relações profissionais.

“Entendemos que o prazo, até superior do que eles estipulavam no contrato de adesão, é abusivo e configura a falha na prestação do serviço de acordo com o artigo 14 do CDC”, ressaltou.

Outra ilegalidade, citou Guedes, é a própria cláusula do contrato da universidade que estipula o prazo de dois anos. “Isso é abusivo de acordo com o artigo 56, do CDC.

Assim, somos obrigamos a aplicar o auto de infração à universidade para que ela corrija esse problema relativo a esses seis alunos que estão há mais de dois anos aguardando e os outros 14 alunos que estão com o prazo próximo a dois anos. No total, são 20 alunos que estão sendo lesados, diariamente, sem poder exercer seus direitos”, disse o coordenador do Procon.

Publicações Relacionadas

Presidente Figueiredo recebe alerta por excesso de gastos com pessoal

Victoria Cavalcante

Pacientes do Badim morreram por asfixia de fumaça tóxica

Fernanda Lopes

Bens apreendidos em ações de repressão ao tráfico de drogas são leiloados

Fabiane Monteiro

Deixe um comentário

WhatsApp chat