FOTOS: Divulgação / Seduc-AM

Novidade estreia no próximo dia 10 de setembro

As atividades do “Aulão ao vivo” do “Conquistar”, curso pré-vestibular gratuito da Secretaria de Estado de Educação e Desporto, contarão com um reforço de peso – ou melhor, vários. A partir do dia 10 de setembro, o projeto passa a receber, no aulão, professores da rede estadual, municipal e da rede privada. As aulas serão dinâmicas e interativas.

Todas as sextas-feiras, sempre às 10h (com reprise às 14h), no canal 20.3 da TV Tiradentes, quatro professores assumirão o “Aulão ao vivo”. “Toda semana, serão novos profissionais que ministrarão a aula, num rodízio. Quando abrimos o formulário para quem quisesse participar, tivemos uma adesão muito grande por conta dos professores”, disse a gerente de Mídias e Conteúdos Digitais do Centro de Mídias de Educação do Amazonas (Cemeam), Sabrina Araújo.

Na estreia do novo formato do “Conquistar”, participarão os professores: José Francisco Antônio Vieira da Silva, do Cemeam; Solange Aparecida Mendes Belchior, da Escola Estadual (EE) Antônio Bitencourt, CDE 4; Milena Araújo Marães, da EE Raimunda Holanda de Souza, CDE 6; e Edilvânia Pureza Von Paumgartten de Aguiar, da EE Benjamin Magalhães Brandão, CDE 4. Ao todo, 40 profissionais foram selecionados para comandar o “Aulão ao vivo”.

“O diferencial é que, com os ‘aulões’, vamos trabalhar a metodologia de sala de aula invertida. O professor convidado elabora um Caderno de Questões com gabarito comentado que será disponibilizado na segunda-feira que antecede a aula, em nossas plataformas digitais. Então, o aluno terá uma semana para resolver essas questões e sanar as suas dúvidas durante a transmissão”, explicou Sabrina.

Além disso, o perfil do “Conquistar”, no Instagram (@conquistar.seducam), abrirá, também na segunda-feira, enquete e caixinha de perguntas, onde os alunos poderão registrar suas dúvidas principais, a partir do Caderno de Questões. As mais recorrentes serão explicadas, ao vivo, durante o “aulão”.

“O objetivo dessas aulas é possibilitar que o estudante revise os conteúdos curriculares que ele já aprendeu ou tem dificuldade, recuperando, assim, a sua aprendizagem. Os professores estão superanimados e engajados com essa oportunidade”, concluiu Sabrina.

FOTOS: Divulgação / Seduc-AM

Informações para a Imprensa: Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado de Educação e Desporto: [email protected].