26.3 C
Manaus, BR
17 de junho de 2021
Destaques Segurança

Polícia do Rio desobedece STF e realiza chacina e já tem 25 mortos

Naquela que pode ser a maior chacina desde as de Vigário Geral (1993, 21 mortos) e do Complexo do Alemão (2007, 42 mortos), a Polícia Civil matou 24 pessoas na favela do Jacarezinho, na Zona Norte da cidade do Rio, um policial morreu. A operação desrespeitou decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que proibiu operações policiais nas favelas durante a pandemia.

Outras duas pessoas teriam ficado feridas ao serem atingidas no interior de um vagão da linha 2 do metrô. Segundo a plataforma digital Fogo Cruzado, o número de mortos desta quinta-feira (6) é o maior já registrado durante uma operação policial desde julho de 2016, quando este tipo de levantamento foi iniciado. 

Moradores do Jacarezinho saíram às ruas para protestar contra a chacina e denunciar abusos policiais. Não há pena de morte no Brasil. A política de segurança deve buscar Justiça e não vingança. Uma incursão que já resulta em 25 mortos, além de baleados no trem e moradores presos aterrorizados.

Foto:  Reginaldo Pimenta/Agência O Dia

Publicações Relacionadas

Detento flagrado com 8 celulares no ânus no retorno ao presídio

Jeanne Gade

Juíza pede que denunciem quem furar a fila da vacina em Manaus

Jeanne Gade

Corpo de jovem desaparecido é encontrado em igarapé

Redacao

Deixe um comentário

WhatsApp chat