30.9 C
Manaus, BR
19 de outubro de 2020
Destaques Política

O sonho de Wilson Lima de ter uma bancada de vereadores ao seu dispor

O governador Wilson Lima está com o sonho ter sua bancada também na Câmara Municipal de Manaus, nas Eleições 2020. E isso não se limita apenas a capital, mas também municípios do interior do Amazonas com grande abrangência e poder eleitoral. Mas o que pode impedir de fazer um grande número significativo são os vários escândalos envolvendo o governador Wilson Lima e o Partido Social Cristão (PSC).

Após as últimas eleições os eleitores começaram a observar o partido político que determinado vereador ou político está filiado. O PT, o Partido dos Trabalhadores, viu essa diferença  a prova disso é o número de parlamentares do PT que teve uma queda significativa. No lugar do PT, entrou o PSL, que era um partido pequeno, cresceu e hoje tem maior fundo partidário e fundo eleitoral.

No Amazonas, candidatos a Vereador pelo PSC ( Partido Social Cristão), estão apavorados com receio de não serem eleitos. Recentemente a candidata pelo Social Cristão, Nathália Nascimento, ( Nath Nascimento), foi alvo de ataques de milhares de internautas que, passaram a ligar a jornalista ao governador Wilson Lima. 

Essa rejeição do governo Wilson Lima, e o envolvimento do seu partido em escândalos de corrupção no Brasil, fez com que a população passasse a rejeitar qualquer candidato que seja do PSC, que passou a ser chamado de Partido da Super Corrupção.

Governadores do PSC, em menos de dois anos, criaram a maior rede de corrupção de desvio de dinheiro, sobretudo na pandemia. Além do governador, Wilson Lima, o do Rio de Janeiro Wilson Witzel (afastado) foi acusado de chefiar quadrilha que desviou dinheiro da saúde pública. O Presidente Nacional do PSC, Pastor Everaldo, foi preso por ser a pessoal que recrutou os membros da quadrilha.

Ou seja, as chances do PSC fazer poucos Vereadores são muitos grandes, uma vez que o número de eleitores indecisos e decepcionados é alto. E a forma de tentar ganhar esse eleitorado está nas redes sociais, onde o eleitor pesquisa sobre o histórico de seu candidato. Os eleitores estão participando e investigando cada vez mais.

Foto: Reprodução

Publicações Relacionadas

Presidente da Assembleia vai intervir no pagamento de terceirização

Redacao

De autoria de Joana Darc, ‘Semana da Virada Animal’ é aprovada

Fernanda Lopes

Fernando Henrique pede renúncia de Bolsonaro: ‘Poupe-nos de um impeachment’

Francisco Araujo

Deixe um comentário

WhatsApp chat