28.5 C
Manaus, BR
30 de setembro de 2020
Destaques Economia

Iniciada a Operação Macchiato para o combate a fraudes federais

Na manhã desta terça feira (4) a Polícia Federal e a Receita Federal  em parceria deflagraram a Operação Macchiato com o objetivo de combater fraudes tributárias, advindas de grupos criminosos que defraudam a União.

O nome da operação é atribuído a uma modalidade no preparo de café italiano, e sua tradução é machado, fazendo alusão as fraudes tributárias contra a União, onde grandes empresas usufruem, mas não devolvem os tributos.

No total são cumpridos 11 mandados de busca e apreensão no estado de Rondônia, em duas cidades , a de Rolim de Moura e a Alta Floresta do Oeste. As investigações revelam empresas fictícias e pessoas como “laranjas”, que simulam compra e venda de produtos com notas fraudulentas.

Depois de auferir grandes benefícios os monetários, as empresas são desativadas sem prestar contas a União. O não recolhimento dos tributos e as altas quantias auferidas chamaram a atenção dos dois órgãos.

Entre 2010 a 2019 na cidade de Rolim de Moura, apenas uma empresa teve seu crescimento econômico na ordem de R$ 94 milhões. Durante as investigações foram descobertos os seguintes pontos: divisão de tarefas, beneficiários diretos,núcleo de criação de empresas fictícias e arregimentação de “laranjas”, através da emissão de notas  e movimentação de valores.

As pessoas envolvidas responderam pelos crimes de organização criminosa, “lavagem” de dinheiro, falsidade ideológica e crimes tributários.

Fonte : https://chumbogrossomanaus.com.br Foto: Polícia Federal

Publicações Relacionadas

Após sair da prisão, Simone Papaiz continua na Secretaria de Saúde do Amazonas

Fernanda Lopes

Desemprego cresce e atinge 12,9 milhões de brasileiros

Victoria Cavalcante

Pastor de Michelle é acusado por sumiço de dinheiro e viaja com Bolsonaro

Flavia da Hora

Deixe um comentário

WhatsApp chat