29.5 C
Manaus, BR
19 de outubro de 2020
Destaques Segurança

Idoso “Ricarcão”, denunciado por violentar cadela prenha

Maus tratos de animais é crime, infelizmente tem sido uma constante. Um idoso de 82 anos, foi flagrado pelos vizinhos, abusando de sua cadelinha(SRD),e não seria a primeira vez.

Os vizinhos revoltados denunciaram no 9º Distrito Policial, mostrando o vídeo gravado. O morador do Núcleo Rural Aspalha, próximo ao Setor de Mansões do Lago Norte (SMLN), foi levado a delegacia e confessou o crime.

Depois da oitiva o agressor, que ficou conhecido como “Ricarcão” foi autuado e liberado, Segundo o delegado Paulo Renato Fayão, foi feita a verificação do vídeo do abuso, ”Nós recebemos essa denúncia, acompanhada de uma mídia com as imagens desse indivíduo abusando de uma cadela’, comentou

‘Nós fomos até o local, localizamos a cadelinha, detivemos o suspeito, trouxemos para a unidade. Ele confirmou a prática do abuso. A cadelinha foi levada imediatamente aos cuidados de uma clínica veterinária e vai ser mantida em um lar provisório até que seja adotada” concluiu.

A cadela teria sofrido aborto, depois de ter sido abusada pelo dono. Teve sua maternidade interrompida.Depois de passar pelo veterinário, foi entendido que a mesma ficou traumatizada e necessita de acompanhamento psicológico.

“Ela é uma cadela que se assusta facilmente, a gente pega ela e ela treme muito. Agora vamos precisar restabelecer a confiança dela devido aos maus-tratos psicológicos, além do físico, que é bem absurdo. Quem faz isso com um cachorro, faz isso com qualquer outro ser em situação vulnerável”, disse a advogada que defende a mudança da legislação em casos como esse.

A legislação prevê a pena de três meses a um ano de detenção, por crime de maus tratos.A advogada Ana Paula Vasconcelos, do Fórum Animal, se responsabilizou pela cadelinha. A Lei nº 1095, vai aumentar a pena nesses casos de abuso, que passará para reclusão de 2a 5 anos, e proibição da guarda em casos de: Abuso, mutilação ou maus tratos.

O agressor adotava cadelas para cometer o abuso e uma delas já teria até morrido em decorrência da violência. Esta tem aproximadamente um ano.

Foto: Portal Chumbo Grosso

Publicações Relacionadas

25ª Cicom implantará Rede de Comércios Protegidos

Conceição Melquiades

Parto no banheiro e Corpo de Bombeiro é chamado para o atendimento

Jeanne Gade

Wilker denuncia corrupção na OS contratada para HSP Francisca Mendes

Fabiane Monteiro

Deixe um comentário

WhatsApp chat