26 C
Manaus, BR
22 de abril de 2021
Agronegócio Destaques

Idam e Frooty Brasil dialogam sobre desenvolvimento agroflorestal

Representantes do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam) se reuniram na sede do órgão, com representantes da companhia de alimentos à base de frutas Frooty Brasil para dialogar sobre a formação de uma parceria com o objetivo de fomentar o desenvolvimento agroflorestal sustentável.

Estiveram presentes o diretor-presidente do Idam, Valdenor Cardoso, a gerente de Apoio à Produção Vegetal, Anecilene Buzaglo, e o gerente de Apoio à Produção Não Madeireira, Luiz Rocha.

O diretor-presidente Valdenor Cardoso salientou a importância de uma empresa de grande porte do setor privado procurar uma colaboração com o Idam, a exemplo da parceria que resultou na inauguração de uma agroindústria de castanha-do-Brasil, no município de Tapauá, em 2020.

“A Frooty Brasil é uma empresa que tem responsabilidade social, buscando a expertise do Idam com gestão e produção rural, para organizarmos um programa de desenvolvimento sustentável com produtores até então excluídos deste processo”, delineou.

Durante a reunião, os gerentes detalharam as atividades realizadas pelo Idam junto aos produtores familiares, explicando aos representantes da Frooty o processo de regularização do agricultor e a evolução do cultivo de culturas como as do açaí e do cacau no Amazonas.

Além disso, também foram definidos os termos e projetos da parceria, como a elaboração de um vídeo para demonstrar boas práticas do cultivo do açaí.

Para Anecilene, a parceria promete fortalecer a cadeia produtiva do açaí. “É uma parceria de grande importância, principalmente para o projeto prioritário do açaí. Através dela, poderemos viabilizar capacitação para públicos que ainda não alcançamos e melhorar tanto o manejo do açaí que é coletado hoje quanto sua qualidade e valor”, disse.

A Frooty Brasil atua em diversos municípios do Amazonas, contribuindo com a cadeia produtiva do açaí no estado e apoiando o Idam em programas de capacitação e ensino de boas práticas de manejo do açaí.

Com cerca 4.172 produtores no estado, a produção de açaí se concentra principalmente nos municípios de Benjamin Constant, Carauari, Codajás, Anori, Rio Preto da Eva, Nova Olinda do Norte, Borba, Manicoré, Humaitá, Tapauá e Lábrea.

O Idam apoia esses produtores com serviços de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), emissão do Cartão do Produtor Primário e Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP), além de programas de capacitação e elaboração de projetos de crédito rural.

Foto: Divulgação/Idam

Mais informações

Fonte: Assessoria de Comunicação do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam): Renata Magnenti (99178-5486), Adriano Trigueiro (98406-5021) e Paula Vieira (99349-1851).

Publicações Relacionadas

5 maneiras de desintoxicar um relacionamento doentio

Francisco Araujo

Clube do Remo faz 116 anos e mostra nova camisa da cor do açaí

Jeanne Gade

Passagens aéreas abaixo de R$300 e poucos passageiros

Flavia da Hora

Deixe um comentário

WhatsApp chat