30.5 C
Manaus, BR
22 de janeiro de 2021
Política

Destinação correta para garrafas long neck foi proposta do professor Fransuá na CMM

PROFESSOR-FRANSUA-PV_ROBERVALDO-ROCHA-2

As garrafas long neck, embalagens utilizadas e descartadas sem nenhum compromisso com o meio ambiente, fazem parte da preocupação do presidente do Meio Ambiente, Recursos Naturais, Sustentabilidade e Vigilância Permanente da Amazônia (COMMARESV), vereador professor Fransuá (PV). O assunto foi tema desta quarta-feira (12) na Câmara Municipal de Manaus (CMM).

Entre os onze novos projetos de lei proposto pelo parlamentar, que já estão tramitando na CMM este ano, a destinação correta para esse tipo de material foi o assunto de debate do vereador. Professor Fransuá apresentou solução para o descarte correto do material, cujo período estimado para decomposição no meio ambiente ultrapassa cinco mil anos, gerando problemas de saúde na população, visto que as garrafas servem como berço para os mosquitos, focos de doenças como Chikungunya e Zika vírus, e outros problemas sanitários, causando custos e transtornos às famílias amazonenses.

Foto: divulgação/Internet

O vereador destacou a questão do descarte e, disse que pode ser solucionado facilmente pelos comerciantes. Para isso, o professor Fransuá sugere que a responsabilidade seja firmada entre os comerciantes e as cooperativas de reciclagem, responsabilizando-as pelo serviço de recolhimento do material e destinação correta das embalagens, que devem ser recicladas.

De acordo com o vereador, a parceria gera novos empregos por meio do empreendedorismo e ainda trata o meio ambiente de modo sustentável, preservando o ambiente. Além disso, os recursos naturais também serão preservados.

O vereador professor Fransuá, somente este ano já apresentou onze novos projetos à Casa Legislativa, nem mesmo no período do recesso parlamentar ele ficou ausente dos trabalhos na Casa. Segundo o parlamentar, ” é de extrema importância acabar, de modo progressivo, com a destinação dos resíduos dos aterros sanitários e outras destinações consideradas agressivas ao meio ambiente”.

Texto: Conceição Melquíades

Publicações Relacionadas

CPI da Saúde no Amazonas pode ganhar mais 60 dias de duração

Victória Cavalcante

Presidente da Funai é exonerado do cargo

Redacao

Parlamento finaliza Seminário sobre Exploração Mineral

Conceição Melquiades

Deixe um comentário

WhatsApp chat