25.5 C
Manaus, BR
25 de fevereiro de 2021
Destaques Mundo

Chanceler alemã diz que mundo não pode ser forçado a escolher entre EUA e China

Nessa terça-feira (26) e em palestra online no Fórum Econômico Mundial, a chanceler da Alemanha, Angela Merkel, disse que o mundo não pode se ver forçado a escolher entre dois grandes blocos, os chineses de um lado e os estadunidenses de outro. “Sou contra dizer ‘aqui estão os EUA e ali a China’, e os países precisam se agrupar em torno de um ou de outro”, afirmou ela.

Ao responder a uma pergunta sobre a defesa do multilateralismo dita na véspera pelo líder chinês Xi Jinping, Angela Merkel afirmou que também está de acordo com essa visão. “Mas há uma questão em que não estamos totalmente de acordo: a de como lidar com diferentes modelos sociais. Quando começa e onde termina a interferência? Quando você defende valores elementares que são indivisíveis?”, interrogou ela.

Angela defendeu que é fundamental definir quais são os limites até os quais é possível respeitar diferentes sistemas econômicos e sociais. “A China se comprometeu com tratados internacionais, e precisamos resolver de uma vez por todas as diferenças de interpretação”, disse.

Em vários outros pontos de sua fala, Merkel conseguiu estabelecer um equilíbrio entre interesses chineses e americanos. A chanceler alemã cobrou mais transparência sobre práticas como subsídios estatais, referindo-se a Pequim. “Precisamos saber até que ponto o comércio ainda está sendo feito sob regras globais ou se está sendo favorecido por práticas não aceitáveis.”

Essa é uma das principais críticas dos Estados Unidos a uma entidade multilateral, a OMC (Organização Mundial do Comércio). Para as duas gestões anteriores do governo estadunidense, e para vários especialistas em comércio internacional, a organização precisa ter reformulação ser para poder ser capaz de lidar com o sistema da China. O país chinês que, desde que aderiu à OMC, tornou-se uma potência comercial.

Fonte: Folha de S. Paulo – texto de Ana Estela de Sousa Pinto.

Publicações Relacionadas

Hong Kong alcança segundo lugar em competitividade mundial

Redacao

Sobe números de acessos a sites pornôs durante quarentena

Redacao

TSE julga ações que pedem a cassação de Bolsonaro e Mourão

Francisco Araujo

Deixe um comentário

WhatsApp chat