26 C
Manaus, BR
22 de abril de 2021
Destaques Esportes

CBF Manaus FC cresce de produção e ocupa a 63⁰ colocação no ranking

Com salto de 26 posições, atualmente o Gavião ocupa a 63⁰ colocação de clubes da CBF.

Conforme divulgado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) na última segunda-feira (01), o Manaus Futebol Clube saltou da 89⁰ colocação no rank de clubes da entidade para a 63⁰ posição, subindo 26 posições em relação à 2019.

A trajetória ao longo dos anos não foi fácil, porém, com muita luta, o Manaus vêm ganhando mais força e expressão no cenário nacional, como explica o presidente Luis Mitoso.

“O Manaus desde a sua fundação, foi projetado para ser um grande clube, dentro e fora de campo. Estamos trabalhando forte para que cada vez mais possamos evoluir e crescer”, declarou.

Também responsável pelo crescimento do Manaus, o vice-presidente Giovanni Silva comentou sobre estes sete anos de existência do clube, anos segundo ele de muita luta e entrega.

“O sucesso do Manaus FC nesses sete anos de existência, eu atribuo a gestão profissional que praticamos dentro do Clube. Mesmo reconhecendo que ainda estamos engatinhando, devido a todas as dificuldade em fazer futebol profissional em nossa região, conseguimos quebrar barreiras, bater recordes de publico na Arena da Amazônia e colocamos nossa Federação (FAF) posições mais acima ano após ano.”, declarou.

Com certeza esse trabalho atraiu a atenção de investidores para o Manaus e também conquistou credibilidade junto aos torcedores. Giovanni cita isto também como um grande avanço no Manaus.

“Sabemos que temos muito mais a fazer pela frente. Continuaremos em busca de nossos sonhos dentro de um pensamento, e na certeza se tivermos apoio de todos incondicionalmente, em pouco tempo poderemos por nosso estado novamente no topo da elite do futebol brasileiro. Exemplo já demos que é possível sim, basta querer e ter força de vontade”, complementou.

A trajetória do Esmeraldino ao longo dos anos foi marcada sempre por muita garra e dedicação. Em seu ano de fundação (2013), foi campeão da Série B do estadual. Em 2017, 2018 e 2019, campeão três vezes seguidas da Série A do amazonense.

Ainda em 2018, bateu na trave ao tentar o acesso à Série C do Campeonato Brasileiro. Em dois confrontos contra a Imperatriz (MA), o Manaus perdeu na ida por 1-0, e em casa, venceu por 2-1, resultado que determinou a cobrança por pênaltis. E nas cobranças, o Gavião foi derrotado por 3-2.

No ano seguinte, o tão sonhado acesso veio para o povo amazonense após longos anos, com direito a lotação máxima nas arquibancadas da Arena da Amazônia em duas oportunidades, e ainda por cima, quebra do recorde de público, mostrando toda a paixão de todo o estado sendo resgatada novamente. Em 2019, o rank do clube era a 134⁰ posição.

Em 2020, mesmo afetado pela pandemia, o Gavião soube se reinventar e teve uma boa campanha na Série C, ficando a poucos pontos de se classificar para a segunda fase do torneio.

Em uma das partidas mais memoráveis do ano, o Gavião derrotou o Santa Cruz fora de casa, algo que nenhuma equipe havia feito até então na competição. Essa e outras façanhas renderam ao Manaus a 89⁰ colocação no ranking nacional.

O Manaus segue em busca de evoluir. O próximo desafio do Gavião é no sábado, diante do JC de Itacoatiara, onde mais uma vez, o Manaus inicia uma caminhada rumo ao título estadual. O horário da partida está previsto às 15h30, na Arena da Amazônia.

Foto: Ismael Monteiro / Manaus FC

Publicações Relacionadas

Mayara e Álvaro Campelo não são expulsos do Progressistas

Luciana Silva

Polícia Militar tem novo comandante nas tropas de Policiamento Especializado

Jeanne Gade

Neto Borges tem nome publicado no BID da CBF e já pode estrear pelo Vasco

Redacao

Deixe um comentário

WhatsApp chat