26 C
Manaus, BR
22 de abril de 2021
Destaques Política

Aluguel e respiradores caros: MP vai investigar irregularidades na Saúde

O governo de Wilson Lima tem se tornado alvo de muitos escândalos e denuncias, em plena pandemia, o governador conseguiu voltar olhares do Brasil inteiro para o Amazonas.

A pandemia do novo coronavírus chegou para mostrar as fragilidades na Saúde construídas ao longo de muitos anos de descaso de algumas administrações anteriores. Mas o que chama atenção são as várias atitudes suspeitas tomadas pelo governo de Wilson Lima.

Isso não é um ataque, mas vale ressaltar que o mundo nunca passou por uma pandemia tão grave que sensibilizou todos os países, esse definitivamente não é o momento para tomar atitudes corruptas.

Enquanto famílias choram pela morte de seus entes queridos e a população entra em pânico, o governo compra 28 ventiladores pulmonares de uma loja de vinhos por preços que superam qualquer valor de mercado.

Mas dessa vez, o  Ministério Público do Estado do Amazonas (MPAM) instaura um inquérito civil para apurar o pagamento do aluguel do hospital de campanha na Universidade Nilton Lins, da área Centro-Sul de Manaus.

Esse hospital recebeu os pacientes de covid-19, quando a Saúde pública começou a colapsar. Foi uma grande ajuda para o Estado, mas o valor do aluguel foi no mínimo exagerado.

Conforme a publicação no Diário Oficial Eletrônico do órgão fiscalizador, a investigação deve “apurar supostas irregularidades e eventual sobrepreço na locação do Hospital Nilton Lins pelo Governo do Estado do Amazonas, a título de hospital de campanha, para receber pacientes acometidos pela COVID-19″ segundo a PORTARIA No 0001/2020/78PJ (Páginas 12 e 13).

Publicações Relacionadas

2 mil pessoas aglomeradas em festa clandestina na zona Norte

Jeanne Gade

NBA: Toronto Raptors terá jogos na Flórida por causa da pandemia

Jeanne Gade

Dupla é presa por tentar vender falsos cilindros de oxigênio em Manaus

Victória Cavalcante

Deixe um comentário

WhatsApp chat