30.5 C
Manaus, BR
22 de janeiro de 2021
Destaques Esportes

Alexandre Kalil diz que não vai interferir na seleção do Atlético: 'Eu tenho a minha, pô'

Alexandre Kalil diz que não vai interferir na seleção do Atlético: 'Eu tenho a minha, pô'
(Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A. Press)
Kalil disse que não vai interferir na seleção presidencial do Atlético (Foto: Alexandre Guzanshe / EM / DA Press)

Um dos mais influentes nomes do cenário político do mundo , Alexandre Kalil

não quer se envolver com um eleição presidencial

do clube, que ocorreu em dezembro. Ex-presidente e atual presidente de Belo Horizonte, ele disse em entrevista exclusiva ao Superesportes / Estado de Minas

que se concentra apenas em sua disputa pela reeleição na capital mineira , marcada para novembro.

“Não, eu não entrei na seleção do Atlético. Gente, esquece !. Até porque eu tenho a minha (eleição), pô “, disse.

se apoiar Sérgio Sette Câmara ou uma possível candidatura de Castellar Guimarães, Kalil voltou a se esquivar.

“Eu não vou entrar na seleção do Atlético. O Atlético é um assunto que não me interessa agora. Até isso, essa pandemia é tão filha da puta, que até o Atlético tirou a televisão domingo, para nós. Para terminar de desgraçar a nossa vida inteira ”, completa.

“Minha relação com o prefeito … Tem muito tempo que alguém não encontra. Eu diria a você que, até por essas questões de quarentena e compromissos lá e eu no Atlético, não tivemos mais nenhum tipo de encontro. Ele está lá, cuida da cidade, cuida da cidade e eu aqui (cuida) do Atlético. Cada um seguindo o seu rumo ”.

Racha político

O político político no Atlético foi exposto no fim do ano passado. Incomodado, Alexandre Kalil não comparou à seleção para presidência do Conselho Deliberativo, que elegeu Castellar Guimarães, seu aliado, como presidente.

Kalil deu a entender que não ficou satisfeito com a aproximação de Sérgio Sette Câmara com Ricardo Guimarães, dono do Banco BMG e seu desafio político no clube.

Além disso, o atual presidente afastado do diretor de pessoas próximas a Kalil. Isso gerou incômodo nos bastidores.

A situação piorou em março deste ano. O médico Felipe Kalil, filho de Alexandre Kalil, pediu demissão do Atlético para tomar conhecimento de que Ricardo Guimarães pediu a Sérgio Sette Câmara para sua saída do clube. O atual presidente se mostrou contra, como Lásaro Cândido da Cunha, vice-presidente e Castellar Guimarães.

mas o médico se mostrou irredutível e deixou o Atlético. Ricardo Guimarães, por sua vez, negou que tenha pedido de demissão do filho de Kalil.

Eleição

Sette Câmara tentará a reeleição no Atlético. O atual mandatário pode ter como principal concorrente Castellar Guimarães, atual presidente do Conselho Deliberativo. Castellar ainda não seleciona se vai entrar em uma chapa para execução ao pleito.

Uma ideia de disputa política não é vista com bons olhos por Rubens Menin, dono da MRV O principal investidor do Atlético. Ele espera ver como, infelizmente, o alvinegro unidas em busca de um clube forte nos próximos anos.

Consulte Mais informação

Publicações Relacionadas

O Distanciamento Social Precisa Continuar

Francisco Araujo

Receita abre hoje consulta a segundo lote de restituição do IR 2020

Francisco Araujo

PF: Operação Áquila cumpre de 15 mandados de prisão e apreensão

Jeanne Gade

Deixe um comentário

WhatsApp chat